22 de ago de 2006

"Osama Bin Laden amava Whitney Houston", conta ex-escrava sexual

A escritora sudanesa Kola Boof, 37, declarou publicamente algo extremamente inusitado. Ela, que afirma ter sido escrava sexual de Osama Bin Laden, diz que o líder da organização terrorista Al-Qaeda tinha uma paixão ardente pela cantora norte-americana Whitney Houston.
A paixão platônica do líder terrorista era tanta que ele chegou a cogitar a possibilidade de ordenar o assassinato de Bobby Brown, marido de Whitney.
Fico imaginando... o Osama assistindo o filme "O Guarda-Costas" e cantando de olhos fechados: "And I...................... will always love youuuuu... uuuuoooo....."
Que cena tosca...
hehehe =P

Nenhum comentário: